Bubbles limpas

TOSSE AGUDA E CRÔNICA

O QUE É TOSSE?

 

A tosse não é uma doença, é um sintoma que pode ser desencadeado por uma série de doenças pulmonares e também extra-pulmonares (pacientes que possuem diagnóstico de doença do refluxo gastroesofágico, por exemplo, podem apresentar tosse). Ela funciona como uma forma de proteçăo do organismo cuja função é  eliminar secreçőes e patógenos, além de proteger o pulmăo da aspiraçăo de substâncias ou corpos estranhos. Seu mecanismo está relacionado a um complexo arco-reflexo que responde a estímulos irritativos em receptores de tosse distribuídos pelas vias aéreas, cavidade nasal, seios maxilares, faringe, canal auditivo externo, estômago, pericárdio, diafragma e esôfago. Portanto, em casos de tosse, a causa pode estar associada a fatores e patologias envolvendo qualquer destas áreas.

COMO A TOSSE É CLASSIFICADA?

Aguda: Sintomas de tosse duram em média até 3 semanas.

Sub-aguda: Sintomas de tosse duram de 3 a 8 semanas

Crônica:  Sintomas de tosse duram acima de 8 semanas

QUAIS SÃO AS PRINCIPAIS DOENÇAS E CAUSAS RELACIONADAS COM A TOSSE?

Na tosse aguda: 

  • Gripes e resfriados;

  • Traqueobronquites;

  • Pneumonias 

 

Na tosse sub-aguda e crônica: 

  • Tabagismo;

  • Asma;

  • Rinite;

  • Sinusites;

  • Doença do refluxo gastroesofágico;

  • Tuberculose;

  • Coqueluche;

  • Doenças fúngicas do pulmão;

  • Doenças pulmonares intersticiais;

  • Fibrose Pulmonar; 

  • Bronquiectasias (dilatação irreversível dos brônquios);

  • Tumores;

  • DPOC (Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica – Bronquite e Enfisema);

  • Medicamentos (principalmente algumas classes de medicamentos cardiológicos para hipertensão)

 

Observação:  Em média até 30% dos pacientes com tosse tem mais de uma doença  envolvida, portanto a causa pode ser multifatorial e ambas deverão ser identificadas e tratadas para a melhora efetiva dos sintomas. 

 

COMO É FEITO O DIAGNÓSTICO DA TOSSE AGUDA OU CRÔNICA?

 

Para o diagnóstico correto, é importante informar ao pneumologista as características do sintoma, como a data de início, os fatores associados a piora ou melhora, a presença e as características de expectoração, assim como a presença de outros sintomas associados como chiado no peito, sintomas de refluxo gástrico, exposições a alergenos, mofo, pássaros, animais domésticos, ou substâncias inaláveis no domicílio ou no trabalho. O histórico passado também é importante, ou seja, lembrar se já apresentou sintomas semelhantes anteriormente e em qual situaçăo ocorreu, bem como uma lista completa de todas medicações em uso.

Muitas vezes pode ser bastante difícil e complexo determinar a causa exata da tosse e exames complementares serão necessários, seja para exclusão ou confirmação das possíveis causas na dependência dos relatos de sintomas obtidos durante a consulta.

QUAL É O TRATAMENTO PARA TOSSE?

 

O tratamento será definido a partir da confirmação do diagnóstico, que permite identificar a causa específica da tosse. A terapia será instituída após avaliação e investigação personalizada com o Pneumologista. Tosse que não melhora em até 2 semanas deverá ser sempre avaliada. Evite tomar xaropes ou fazer automedicação para a tosse. Isto pode retardar o diagnóstico correto, mascarando a doença e agravando o quadro. 

DR. CESAR CASTELLAN

PNEUMOLOGISTA

CREMERS 18204 | RQE 8919

Prefere telefonar?

Clique aqui

CONSULTÓRIOS EM PORTO ALEGRE/RS:

24 de Outubro, 1681. Sala 301 e 302 - Moinhos de Vento. Tel. (51) 3333.2692 | WhatsApp (51) 99911.0395

Andradas, 1727. Sala 85 - Centro. Tel. (51) 3221.7574

  • icone_edited
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco

© 2020 Dr. Cesar Castellan. Todos os direitos reservados.